Orçamentos
IndexNow: sabia que esse recurso pode reduzir o tempo de indexação de seus conteúdos?

IndexNow: sabia que esse recurso pode reduzir o tempo de indexação de seus conteúdos?

Em outubro do ano passado, a Microsoft anunciou o lançamento do IndexNow, uma ferramenta que permite reduzir significativamente o tempo de indexação dos conteúdos nos mecanismos de busca.

No ano passado, o Bing e o Yandex já adotaram o novo protocolo, mas o Google também começou a testar essa nova ferramenta.

Leia neste texto o que é o IndexNow e como otimizar a indexação de conteúdos com esse novo protocolo.

O que é o IndexNow?

O IndexNow é um protocolo de indexação evolutivo criado pela Microsoft e Yandex. Segundo o próprio site da ferramenta, é a maneira mais fácil de os proprietários de sites informarem as últimas atualizações para os mecanismos de busca.

Trata-se de um ping de código aberto para todos os mecanismos de busca participantes, como o Bing, o Yandex e o Google.

Quando um site é excluído, atualizado ou páginas são adicionadas, o IndexNow notifica todos os mecanismos de busca para que esses novos dados possam ser avaliados para um novo resultado de pesquisa a partir de um tempo menor para indexação e dando novas oportunidades de classificação.

Por que o IndexNow é importante para otimizar prazos de indexação?

Os mecanismos de busca tem duas funções principais: rastreamento e indexação. Quando descobrem uma página ou novidades nela, eles a indexam, a partir das diretrizes do SEO (Search Engine Optimization), analisando conteúdo, categoria, tags, mídia e tudo o que está dentro de uma página.

A partir disso, armazena em seu banco de dados e apresenta as páginas melhores sempre que uma busca do usuário é realizada.

Diante dessas 2 funções dos mecanismos de busca, o IndexNow é extremamente interessante porque antes dele as novidades de um site ou blog poderia levar dias ou até semanas antes que fossem descobertas e indexadas pelos mecanismos de busca. 

Esse problema poderia ocorrer até mesmo como sites grandes e com grande tráfego ou e-commerces, para os quais poderia levar até semanas para que os mecanismos rastreassem o site e indexassem novas páginas.

Enquanto as novas páginas não são indexadas, o site pode perder um tráfego importante para seus concorrentes.

Com o IndexNow, a descoberta é imediata e logo há uma oportunidade de verificar se as atualizações de um site ou blog estão em consonância com as diretrizes do SEO, exigidas,  por exemplo, pelas novas atualizações do algoritmo do Google, como o Core Web Vitals,  que é um conjunto de indicadores que avaliam a experiência do usuário, ou o Core Update, que focou mais em EAT (expertise, autoridade e credibilidade).

O Google vai adotar o IndexNow?

O Google vai adotar o IndexNow?
O Google vai adotar o IndexNow?

Embora ainda não exista um prazo determinado para o fim do teste do IndexNow pelo Google, essa informação demonstra que existe uma margem para crer que esse gigante dos mecanismos de busca está reconhecendo as capacidades do novo protocolo.

O Google está testando minuciosamente o IndewNow nos critérios de sustentabilidade e eficiência porque quer tornar o rastreamento ainda melhor.

Atualmente, o Google usa o protocolo de transferência de dados HTTP/2, que já é significativamente mais eficiente que os antecessores.

Como o IndexNow funciona?

O que torna o IndexNow bastante inovador é que permite que todas as URLs enviadas a qualquer mecanismo de pesquisa habilitado para ele sejam enviados simultaneamente, seja quando o mecanismo de busca visita o site para solicitar páginas e coleta dados do servidor ou quando o sistema de gerenciamento notifica a adição ou exclusão de páginas.

Para notificar os mecanismos de busca com o IndexNow, é necessário seguir alguns passos:

  • garantir a propriedade do domínio. Essa chave pode ser gerada no site do Bing;
  • Usar uma chave de API do host, hospedada no diretório raiz no formato txt.
  • Enviar URLs com parâmetros;
  • É possível verificar quais URLs foram enviadas e rastreadas pelo portal Bing Webmaster Tools.

Qualquer desenvolvedor de site pode usar esse processo, e nem é necessário entender de HTML de HDMI. Por isso, diversas grandes empresas já anunciaram que estão programando a migração para o IndexNow, como o Linkedin e MSN. Além disso, o WordPress já oferece um plugin IndexNow.

Essas empresas parecem estar vendo vantagens no uso do IndexNow, principalmente, no que se refere à eliminação de tempo entre as atualizações realizadas e o processo de rastreamento (descoberta) e indexação de páginas.

Permitindo que os webmasters notifiquem todas as URLs participantes com uma única chamada API, o processo de descoberta fica muito mais simplificado, tornando a web mais aberta, transparente e eficiente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba
novidades

Endereço

Hyde Park
Av. Cassiano Ricardo, 401 – sala 703 | Jardim Aquarius
São José dos Campos - SP

GS2 Marketing Digital +55 (12) 99660-9367

2022- todos os direitos reservados 
menuchevron-down linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram