Facebook-anuncia-mudanças-na-plataforma-1524x1017 Facebook anuncia mudanças na plataforma: privacidade é o foco

Durante a F8, convenção anual do Facebook, realizada nos últimos dias 30 de abril e 1o. de maio, em San José, na Califórnia, a empresa anunciou diversas mudanças. Praticamente todas centradas na questão da privacidade.

A ideia, já anunciada pelo Facebook neste ano, é desenvolver uma plataforma social e de mensagens com uma conexão mais privada. Segundo Mark Zuckerberg, o CEO do Facebook, essa é uma questão com a qual ele tem se preocupado ao pensar no futuro da internet:

“Privacidade dá liberdade para as pessoas serem elas mesmas e se conectarem com mais naturalidade”, disse em uma de suas publicações no Newsroom.

Vamos ver alguns anúncios importantes dos dois dias de eventos?

Quais mudanças anunciadas para as redes sociais?

No F8 foram anunciadas mudanças para o Facebook, Instagram, Messenger e WhatsApp. Só as quatro redes reúnem mais de 2,1 bilhões usuários diariamente.

Durante o evento, também estavam presentes líderes do Oculus e Realidade Aumentada/Realidade Virtual para compartilhar as novidades.

Entre as principais novidades, foram anunciadas um foco maior nos grupos do Facebook e o teste para remoção dos likes aberto no Instagram, o que foi um choque para os “viciados” em curtidas da rede.

Na ocasião, mais de 5 mil desenvolvedores, criadores e empreendedores do mundo inteiro participaram da conferência, que também anunciou iniciativas para tornar as interações automatizadas na rede social mais naturais e humanizadas. Confirmando a tendência de que as interações dos chatbots devem ser cada vez mais parecida com as humanas.

Quais são as novidades para o Facebook?

Facebook-anuncia-mudanças-na-plataforma-2-1524x1143 Facebook anuncia mudanças na plataforma: privacidade é o foco

Para Zuckerberg, as redes públicas foram e são muito importantes na vida das pessoas, não só para se conectar com quem já conhece, mas também para fazer novos contatos, conhecer novas ideias e conteúdos.

Porém, com a mudança do mundo que pede mais “privacidade”, o CEO do Facebook disse ter pensado em formas para ajudar a unir as pessoas offline.

Esse posicionamento tem muito a ver com os escândalos sofridos pela rede social nos últimos tempos, quando houve vazamentos de dados. É uma resposta da empresa para readquirir a confiança de seus usuários

Novo design

O FB5 é o novo design do Face, com interface mais simples, rápida e imersiva, colocando as comunidades no centro da importância.

O aplicativo vai perder os tons de azuis e ficar quase todo branco.

Segundo a empresa, essas mudanças tornarão mais fácil encontrar o que a pessoa está buscando.

No app, as novidades já começaram a aparecer, mas no desktop ainda levará alguns meses.

Foco nos grupos

Atualmente mais de 400 milhões de pessoas participam de grupos no Facebook. Por isso, novas ferramentas estão sendo lançadas para esse público.

Aba redesenhada

  • Com o novo layout a descoberta de novas comunidades será muito mais fácil.
  • Feed de atividades personalizada em todos grupos.
  • Nova ferramenta de descoberta com recomendações vai facilitar também o encontro de grupos de interesse.

Participação em grupos facilitada

  • Facilidade na forma de receber recomendações relevantes de Grupos em outros lugares do aplicativo, como Market Place, aba de Jogos e Facebook Watch
  • Mais conteúdos de Grupos no Feed de Notícias, onde também será possível compartilhar conteúdos com os Grupos do usuário.

Novos recursos para tipos diferentes de grupos

    • Grupos de Suporte de Saúde poderão compartilhar informações e postar dúvidas sem que seus nomes sejam visíveis na publicação.
    • Grupos de oferta de emprego terão modelos para postagem de novas vagas e formais mais fáceis de usuários enviarem mensagem ao empregador.
    • Grupos de Jogos receberão novo recurso de bate-papo para que os usuários possam criar tópicos para diferentes assuntos.
    • Facebook Live: plataforma vai disponibilizar maneiras para permitir que os compradores enviem perguntas e façam pedidos sem sair da transmissão ao vivo.

 

Conexão com um crush secreto

O recurso que já estava disponível em países como os Estados Unidos, Canadá, Argentina e outros países, agora vai chegar ao Brasil e outros 13 países, entre eles Chile, Filipinas e Vietnã.

Com o Facebook Dating, a rede social vai se aproximar dos atrativos do aplicativo de encontros Tinder.

A expressão match, utilizada no Tinder, significa que se uma pessoa der um match em um usuário, é porque curtiu aquele usuário, é uma forma de demonstrar interesse por aquela pessoa.

Aí o Tinder abre um chat para os matches conversarem para marcar encontros.

Já no Facebook Dating, será possível descobrir novos matches dentro das próprias comunidades dos usuários.

Com o recurso Crush Secreto, também será possível selecionar até 9 amigos para manifestar interesse.

Se eles estiverem no Facebook Dating, vão receber uma notificação de que alguém tem interesse. E se o usuário estiver também na lista de 9 do crush, há grandes chances disso virar uma aproximação maior.

Conhecer novos amigos

No recurso Conheça Novos Amigos, as pessoas poderão começar amizades a partir de suas comunidades, como a escola, trabalho ou até cidade.

O que  muda no Messenger?

O Messenger recebeu a maior parcela de atenção durante a F8 porque existe um número muito maior de usuários do que se imagina.

Além da mudança de design, que será completa até o fim do ano, para que o aplicativo seja  mais rápido e leve, na F8 também foram apresentados novos produtos e funcionalidades para ajudar a criar laços entre as pessoas.

Além disso, também vai ganhar uma versão completa para desktop. No quesito privacidade, assim como o WhatsApp, terá mensagens encriptadas.

Conheça as novidades:

Assistir juntos:

Quando o usuário não estiver no mesmo ambiente físico que seus contatos, como família e amigos, um recurso vai possibilitar descobrir e assistir juntos os vídeos enquanto conversam ou fazem ligação de vídeo.

Ainda em testes, esse recurso deve chegar para o usuário até o fim do ano.

Messenger para desktop

Também em teste, será possível baixar o aplicativo para o desktop, tanto no Windows como no MacOS, para fazer ligações de vídeos ou trabalhar em múltiplas tarefas enquanto conversa no Messenger.

Conexão com amigos próximos

O Messenger vai contar com um espaço para que o usuário descubra Stories ou mensagens dos melhores amigos ou familiares.

Neste local, também será possível compartilhar conteúdos do seu dia.

A funcionalidade deverá ser disponibilizada até o final do ano.

Para empresas

O Messenger quer facilitar que as empresas se conectem aos seus consumidores.

Um novo tipo de anúncio vai redirecionar as pessoas a um questionário para acelerar o processo de conversão.

E passa a ser possível também fazer agendamentos diretamente na conversa.

Instagram

Ainda em fase de testes, a mudança da retirada dos likes é um tema que pode mexer com muita gente competitiva.

Para algumas análises, como  Instagram é muito competitivo, essa disputa pelo número de curtidas na rede social de fotos pode não ser muito saudável para a mente de alguns usuários.

E não só para eles, mas também para quem usa a rede como divulgação do trabalho, como os influencers e algumas empresas.

Mas também há outras novidades:

Comprar looks de criadores

A rede social vai instalar uma ferramenta que vai permitir que os usuários comprem looks diretamente dos criadores de conteúdos.

Vai bastar tocar na tela para saber o que eles estão usando e comprar diretamente.

Um pequeno grupo de criadores está servindo como teste para essa nova funcionalidade.

Investir em causas sociais

Diretamente no Instagram será possível investir em causas sociais pelo adesivo Instagram de doação no Stories.

O usuário vai poder criar uma campanha e mobilizar a sua comunidade para a causa. Do valor arrecadado, 100% será revertido para a instituição sem fins lucrativos.

O recurso está disponível só nos Estados Unidos, mas a empresa está trabalhando para levar para outros países também.

Câmera aprimorada

A rede também vai apresentar um novo design de câmera, incluindo Modo de Criação, para facilitar o compartilhamento de foto ou vídeo.

WhatsApp

Embora o Messenger tenha recebida extrema atenção na F8, o WhatsApp ainda ficou com alguns destaques.

As pequenas empresas serão beneficiadas com um catálogo de produtos quando estiverem se comunicando pela plataforma.

Isso vai facilitar para que as empresas mostrem suas mercadorias de forma mais fácil

na rede.

Pré-venda dos Oculus Quest e Oculus Rift S

Durante a conferência, também foi anunciada a pré-venda dos headsets de realidade virtual Oculus Quest e Oculus Rift S, que serão lançados em 21 de maio.

O Quest é o primeiro dispositivo de jogo em realidade virtual all-in-one, permitindo que os jogadores atuem de praticamente de qualquer lugar sem estarem em um computador.

Já para quem está com um PC, o Rift S oferece uma experiência mais imersiva.

Ambos vão custar US$ 399.

Também será lançado o Oculus for Business, que vai ter uma suíte de ferramentas que ajudarão as empresas a redesenharem a forma como fazem negócios.

A expectativa de lançamento é até o fim do ano, mas para o Brasil ainda não há previsão de chegada.

Inteligência Artificial

No segundo dia do F8, o foco foram os investimentos a longo prazo que a empresa está fazendo em Inteligência Artificial. E para os profissionais do nosso setor, como usar a Inteligência Artificial no Marketing Digital também tem sido fundamental.

Líderes do setor falaram que a IA impulsiona uma variedade muito grande infraestrutura e produtos no Facebook.

Entre essas iniciativas, os avanços em processamento natural de linguagem, que ajudou a criar uma linguagem comum para traduções.

Mas segundo o exposto durante a conferência, embora a Inteligência Artificial seja fundamental no trabalho do Facebook, a preocupação é que a ferramenta proteja as pessoas e não as discrimine, o que é sempre um risco quando os treinamentos são realizados por humanos em conjuntos de dados envolvendo pessoas.

No evento foi apresentado que uma das áreas em que o Facebook está usando o processo de Inteligência Artificial Inclusiva é o da Realidade Aumentada.

Por isso, os engenheiros do Spark AR é usar movimentos de gestos com vários tipos e cores de mão e comandos de voz, usando dados representativos de dialetos, idades e gêneros.

Enfim, tem muita tecnologia para surgir a partir das pesquisas de software do Facebook, mas a ideia dos líderes da empresa é que tudo seja sempre no sentido de unir e conectar as pessoas de forma mais justa.