Orçamentos
Marketing 5.0: você pode estar ficando para trás

Marketing 5.0: você pode estar ficando para trás

Inteligência artificial, big data, experiência do usuário, algoritmos. Nunca fomos tão tech. E o marketing 5.0 está aí para provar isso.

Depois da quarta era do marketing, que, segundo Kotler, é a junção do marketing tradicional com o marketing digital, agora é a hora do marketing 5.0 fazer a cabeça dos profissionais de marketing.

Quer saber o que é esse novo conceito idealizado pelo pai do marketing?

Então, continue com a gente e veja como aproveitar essa nova onda que une tecnologia e fator humano como forma de encantar o cliente.

 O que é marketing 5.0?

Em seu último livro “Marketing 5.0”, Philip Kotler, define o conceito como a aplicação de tecnologias que imitam o comportamento humano para criar, comunicar, entregar e aumentar o valor ao longo da jornada do cliente.

Na prática, Kotler fala que os recursos tecnológicos, como o big data e a inteligência artificial, são uma nova arma para gerar mais conexão entre empresas e seus públicos de interesse.

No entanto, ele é categórico ao afirmar que, mesmo usando de toda a tecnologia disponível para gerar dados, o papel humano é quem vai dar o tom, definindo estratégias e reunindo insights para fazer um marketing digital efetivo.

De acordo com Kotler, em um trecho do livro “Marketing 5.0”:

“É hora de as empresas liberarem plenamente a força das tecnologias avançadas em suas estratégias, táticas e operações de marketing. A tecnologia deve ser alavancada para o bem da humanidade.”

Evolução do marketing 1.0 ao 5.0

Marketing 1.0: venda, venda, venda

Esse conceito surgiu logo após a Revolução Industrial, e o foco era nos produtos. O modelo de produção da época era o Fordismo que priorizava a fabricação em massa em detrimento da variedade de produtos.

Marketing 2.0: direito de escolha

Essa segunda onda do marketing foi marcada pelo acesso dos consumidores à informação e à possibilidade de escolha. 

Com isso, as empresas passaram a prestar mais atenção nas necessidades dos clientes antes de produzir seus produtos. O foco do marketing 2.0 é o cliente e não mais o produto.

Marketing 3.0: responsabilidade social

Na era da internet, o marketing assume protagonismo social e as empresas precisam provar que estão no mercado para causar uma transformação positiva na sociedade.

Ou seja, não basta somente produzir produtos que os consumidores precisem ou desejem, é preciso se posicionar. Nesta era, a ideia é vender bem-estar e felicidade aos consumidores a partir de seus produtos e serviços.

Marketing 4.0: a era do marketing digital

Aqui o marketing tem que lidar com a geração dos nativos digitais, os nascidos a partir de 1997 que têm uma relação muito forte com a internet.

Nessa onda, as empresas perceberam que se não tiverem presença digital, seu negócio pode estar fadado ao fracasso. 

E por isso mesmo, não só investem no digital como também usam os dados obtidos a partir das interações na internet para se conectar e construir relacionamento com seus públicos de interesse.

Marketing 5.0: humanização

A era do marketing 5.0 foca na experiência tecnologia x humano. Na qual, as novas ferramentas de marketing digital são integradas gradativamente ao dia a dia das empresas para melhorar a experiência do cliente.

Para Kotler: 

“No marketing 5.0 queremos reconhecer as novas ferramentas digitais que os profissionais de marketing usarão cada vez mais. Inteligência artificial (IA) e algoritmos, automação de marketing, robótica, sensores e internet das coisas, realidade virtual e aumentada, processamento de linguagem natural (Siri, Alexa), chat boxes, neuromarketing e ciência cerebral.” (Kotler, 2020)

Os três elementos do marketing 5.0

Em entrevista para o Marketing Journal, em fevereiro de 2021, os autores do livro “Marketing 5.0” falam que o conceito gira em torno de três aplicações inter-relacionadas: marketing preditivo, marketing contextual e marketing aumentado.

Essas três aplicações giram em torno de 2 disciplinas básicas: o marketing orientado a dados e o marketing ágil:

Marketing orientado a dados

Trata-se de coletar e analisar dados de várias fontes para orientar e otimizar as decisões de marketing. 

Marketing ágil

É usar equipes descentralizadas e multidisciplinares para criar e validar produtos e campanhas de marketing rapidamente. 

Para Hermawan Kartajaya, um dos autores do livro “Marketing 5.0”, para lidar com o mercado em constante mudança a agilidade torna-se um requisito indispensável para as empresas.

Marketing preditivo

Esse conceito faz o uso de análises preditivas com aprendizado de máquina, para prever os resultados das atividades de marketing antes do lançamento. 

Isso permite que as empresas visualizem como o mercado responderá e o influenciará de forma proativa.

Marketing contextual

O marketing contextual vai identificar e criar perfis, bem como fornecer aos clientes interações personalizadas, utilizando sensores e interfaces digitais no espaço físico. 

É a estrutura que permite que os profissionais realizem o marketing individualizado em tempo real, dependendo do contexto do cliente.

No marketing contextual, são considerados alguns fatores, como: informações sobre humor, hora do dia, momentos específicos que ajudem a identificar a melhor hora para impactar o público com uma ação.

Marketing aumentado

É usar a tecnologia para melhorar a produtividade dos profissionais que lidam com clientes. Isso pode ser feito por meio de tecnologias que imitam humanos, como chatbots e assistentes virtuais. 

Esse último garante que os profissionais de marketing combinem a velocidade e a conveniência da interface digital com o marketing centrado nas pessoas.

Como a tecnologia pode impulsionar o marketing digital?

Permite tomar decisões melhores

Para Hermawan Kartajaya, graças ao big data podemos coletar, organizar e interpretar dados em uma velocidade incrível. 

Isso acontece em cada interação do cliente com a sua empresa:  acesso ao site, consulta por formulário ou troca de e-mail, tudo fica registrado.

A partir daí,  os profissionais de marketing podem traçar o perfil dos clientes em um nível muito detalhado, garantindo melhores insights.

Permite prever os resultados das estratégias de marketing

Com análises baseadas em inteligência artificial, é possível prever o resultado antes de lançar novos produtos ou lançar novas campanhas. 

Esse modelo busca por padrões anteriores,  entende o que funciona e, com base no aprendizado, recomenda o design otimizado para campanhas futuras. 

Permite experiências personalizadas

O rastreamento de usuários da internet permite que os profissionais de marketing digital forneçam experiências personalizadas aos clientes. 

Tanto landing pages quanto anúncios podem ser feitos com base em dores e desejos dos clientes e gerar mais identificação com a marca.

Além disso, os profissionais de marketing conseguem identificar quem está acessando sua página, por exemplo, e oferecer anúncios que atendam às necessidades deste público.

Aumenta a produtividade dos profissionais de marketing

Ao passar tarefas operacionais de menor valor para um sistema que usa inteligência artificial, por exemplo, o profissional pode se dedicar às tarefas mais estratégicas ou atendimento direto ao cliente.

Para conversas mais simples, os chatbots podem ajudar a lidar com um canal que tem alto tráfego de solicitações e interações.

Objetivos do marketing 5.0

Dentre os objetivos do marketing 5.0, podemos citar esses:

Antecipar situações por meio do comportamento do consumidor; Extrair insights por meio da análise dos dados coletados; Planejar estratégias baseadas em padrões de comportamento; Experimentar soluções que ainda não foram consideradas; Criar e manter conexões mais fortes

São muitos benefícios, não é mesmo?

Marketing 5.0: como não ficar para trás?

Como acompanhar tantas mudanças, se não temos o conhecimento e a experiência para implementar novas tecnologias em nossa empresa?

Se você não sabe como surfar nessa onda tecnológica que o marketing 5.0 nos propõe, mas quer aproveitar todos os seus benefícios, conte com a GS2 Marketing Digital.

Somos uma Consultoria de marketing digital que já está vivendo essa revolução, e colhendo excelentes resultados com o marketing 5.0

GS2: marketing digital estratégico para sua empresa vender mais

Nossa estratégia de sucesso é feita com base no desenho da jornada de compra da sua persona. 

Nós reunimos dados e analisamos os nossos clientes de sucesso de diversos segmentos para chegar a uma metodologia que vai fazer aumentar as suas vendas. 

É o big data na prática!

Nossa agência conta com as áreas mais estratégicas do marketing digital para fazer o seu negócio crescer! 

Conheça alguns de nossos clientes aqui.

A GS2 em números

Somos especialistas em consultoria de marketing digital para empresas. São mais de 894 campanhas de e-mails disparadas, 136.324 conversões de leads realizadas e 917 automações ativadas somente no ano de 2021. 

Quer implementar o marketing 5.0 aí na sua empresa? Conte com a GS2 Marketing Digital. 

Acesse nosso site e converse com o nosso time!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Receba
novidades

Endereço

Hyde Park
Av. Cassiano Ricardo, 401 – sala 703 | Jardim Aquarius
São José dos Campos - SP

GS2 Marketing Digital +55 (12) 99660-9367

2022- todos os direitos reservados 
menuchevron-down linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram